Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

E o Economista Sou Eu

E o Economista Sou Eu

O que são obrigações?

Obrigacoes.png

 

São  títulos de dívida. Normalmente  se uma pessoa pretende constituir  um crédito vai a um banco e pede um empréstimo,  seja para comprar uma casa, um carro, para financiar um curso ou para qualquer outro destino.

As empresas  também o fazem: seja para comprar uma máquina ou para terem dinheiro no seu dia a dia para realizarem diversos pagamentos enquanto aguardam por receber  o dinheiro das suas vendas. Mas podem pedir dinheiro  não  a um banco, mas a outros investidores. 

 

Para tal emitem obrigações com um determinado prazo e juro.Do outro lado terão  o obrigacionista que é  alguém que efetuou uma poupança  e que quer obter um juro.

A taxa de juro das obrigações  é  normalmente  determinada através  da utilização  da taxa de juro paga pelo próprio  Estado adicionado de um componente, o chamado spread (em tradução literal, é um diferencial, neste caso face à taxa de juro de referência, que é a paga pelo Estado), que é  função do risco da empresa.

Uma empresa mais arriscada (ou seja que tem uma maior probabilidade de não devolver o dinheiro de volta ao investidor), pagará um spread superior, que basicamente é o “prémio” que paga para atrair os investidores a investirem naqueles títulos mais arriscados.

 

Um exemplo: suponhamos que o Estado português paga uma taxa de juro de 3% por um prazo de 10 anos. Uma empresa, poderá ter que pagar um spread de 1 ponto percentual (p.p.) ou 2 p.p., pagando 4% ou 5% por uma obrigação a 10 anos.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

E-mail:

eoeconomistasoueu@gmail.com

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Também estamos aqui:

Follow
Todos os conteúdos presentes neste blogue são propriedade de eoeconomistasoueu.blogs.sapo.pt salvo indicação em contrário.

Pesquisar